terça-feira, 17 de março de 2009

Graça em dose dupla

"Mais uma grande graça em dose dupla para a Flavinha"

Minha própria história tentando ter mais um filho e o nascimento deles é um relato de que meu Deus é o Deus do Impossível!!!

Copiei um trecho do meu blog e acrescentei algo mais...

... Tudo começou quando resolvi engravidar novamente... Eu já tinha uma menina de 5 anos do meu casamento anterior, a Giulia... Afinal, meu atual marido não tinha filhos e a minha vontade de ter outro filho era grande... Engravidei logo mas infelizmente quando estava com 8 semanas de gestação descobrimos que não havia batimentos cardíacos no bebê e que eu havia perdido o outro bebê (eram gémeos), sofri meu primeiro aborto retido, fiquei arrasada mas resolvi tentar de novo e uns 4 meses depois recebi meu positivo, eu estava muito confiante, meu marido também quando fomos fazer a ultrassonografia e descobrimos que não havia batimentos cardíacos novamente!

Sofri meu segundo aborto retido! Meu mundo desabou! Fiz curetagem, sofri, chorei... e fiquei com muito medo de tentar de novo... Nesse meio tempo conheci meu médico, o Dr. Rodrigo, com seus 40 anos de medicina, me fez acreditar que eu podia! Depois de uns 8 meses resolvi tentar de novo, mesmo sabendo dos riscos de não ter feito exames específicos, nem tratamentos (Já que eram muito caros)...

Logo o positivo veio e na minha primeira ultra com 6 semanas descobri que eram gémeos, morri de medo de perder de novo... foram os dias mais angustiantes da minha vida... com 8 semanas tivemos a maravilhosa notícia que os bebês estavam bem e com batimentos cardíacos perfeitos! CHOREI DE EMOÇÃO Naquele dia eu vi que Deus não havia me abandonado... Com 20 semanas descobri meu casal: Pietra e Pedro Henrique... Com 32 semanas comecei a tomar as temidas injeções de corticóide, estava indo tudo tão bem...
Mas numa ultra com 34 semanas e 4 dias, a médica descobriu algo que não quis me falar só comentou que se fosse minha médica não esperava mais, fui para casa de táxi e comecei a sentir contrações, aquelas comuns de Braxton Hicks que na gestação gemelar é bem mais intensa...

Comecei a sentir de 8 em 8 minutos, depois de 5 em 5 , achei estranho e liguei para o meu médico que por milagra de Deus ainda estava no Hospital, fui até lá, ele me examinou disse que o colo estava fechadinho mas que tinha algo errado com a placenta de um dos dois bebes e que se eu não quisesse perder mais esses eu teria que fazer a cesária... Com 34 semanas e 6 dias meus gémeos vieram ao mundo, juro que escutei o choro dos dois, foi o dia mais emocionante da minha vida, mas levaram a Pietra correndo para a UTI, só segurei o Pedro que nasceu relativamente grande...

me deixaram muito tempo sem notícias, até que me levaram para o quarto e eu via nos olhos de todos que havia algo de errado, mas meu marido me tranquilizou dizendo que já havia ido ver a Pietra e que ela estava bem... foram 12 dias intermináveis de UTI Neonatal... Graças a Deus sem nenhuma intercorrência, só felicidades!!! Mais ou menos quando meus gémeos completaram 7 meses o meu médico resolveu me contar a verdade: A Pietra foi salva por questão de minutos!
A placenta dela havia parado de alimentar, calcificou, acho que é assim que se fala, não sei exactamente... mas ela sobreviveu até o parto graças a um milagre de Deus! Quando ela nasceu, não se movia, estava roxa, fizeram de tudo para reanimá-la e como Deus não nos desamparou um minuto sequer, conseguiram e ela nem precisou de ser entubada...

Aquele chorinho que eu juro que escutei, não sei de onde veio, mas creio que foi Deus acalmando o coração de uma mãe aflita... Agradeço todos os dias pelos meus milagres!!!!
Hoje eles estão com 8 meses, lindos e fazendo muuuuita bagunça!!! A Pietra é a menina sorriso, veio para iluminar a nossa vida, esperta e feliz, já o meu Pedrão só acrescentou, pois precisávamos de um menino na família e ele veio maravilhosamente representar a ala masculina... manhoso e carinhoso... é um docinho!
O meu Deus é o Deus do Impossível!!!! Creio verdadeiramente que me deu o dom de ser mãe e que ele moveu a mão dos médicos para salvar a vida de meus filhos...

Hoje eu só quero saúde para todos e que Deus continue nos abençoando grandemente...

Obrigada Senhor!!!


beijossssssss e desculpe-me pelo relato imenso!

3 comentários:

Anônimo disse...

Louvado seja DEUS!!! Parabéns...

Danielli Proença disse...

PARABÉNS... GRAÇAS AO SENHOR PELA SUA VITÓRIA!!! DEUS ABENÇÕE TODA A SUA FAMÍLIA HOJE E SEMPRE.

s!mon!nh@ disse...

Bom dia! Estou a espera de um milagre, quero muito engravidar...e estou na expectativa, orando muito pedindo ao Senhor Jesus, para que Ele me me deixa Ser Mãe!! Meu Namorado e Eu nos amamos muito e um filho agora seria uma Benção! Senhor, toque no meu ventre e nos abençoa com essa Graça, que aqui Dentro de mim tem um fruto do nosso amor.. E que está crescendo! Amém!

Pesso que orem por mim!
Bjo! Iraci

Postar um comentário